Hannibal (Hannibal Lecter #3) de Thomas Harris

quinta-feira, 8 de junho de 2017


Hannibal - Thomas Harris


Não colocarei a sinopse aqui pois tem spoiler do livro anterior, caso queira ler clique AQUI.
Ficha Técnica:
Autor: Thomas Harris
Título: Hannibal
Editora: Record
Avaliação Final:  5/5   ♥♥♥♥♥


Minha Opinião: Coloquei para tocar Goldberg Variations enquanto pensava sobre o livro. O encaixe com a história e mais precisamente com o personagem Hannibal Lecter ganhou vida por si próprio. Transpassou as páginas dos livros, ganhou forma com o Anthony Hopkins e se tornou uma figura fictícia conhecidíssima. Mesmo que não se conheça a história, o nome é conhecido: Hannibal Lecter.

O livro se passa sete anos depois de O Silêncio dos Inocentes. Era de se esperar que Clarice Starling evoluísse em sua carreira no FBI, mas as coisas para o lado dela estão mais complicadas do que o esperado.

Hannibal aqui é uma presença constante. Com isso, pude descobrir mais sobre a vida dele, seus gostos, um pouquinho de sua infância e também o que se passa em sua mente. E é claro, seu lado sádico. Todos os detalhes são essenciais. Não fica margem para nenhuma ponta solta. Até mesmo algumas coisas do outro livro foram explicadas.


Temos muitos personagens, inclusive conhecemos a primeira vítima do Dr. Lecter. Mesmo tendo sobrevivido Mason Verger está completamente desfigurado, sua forma física é assombrosa e apesar disso, sua personalidade deturpada não se extinguiu. A obsessão dele pelo Dr. Lecter e o desejo de vingança são o que conduz a história. Até o Brasil é citado, mas sem muitos detalhes.

As últimas palavras do livro são sensacionais. Genial para ser mais precisa. Depois de concluir a leitura e repassar tudo, não tem como não ficar satisfeita por ter lido algo tão brilhante. Hannibal Lecter apesar de tudo é um dos personagens mais incríveis que tive a sorte de ler.

Todos os detalhes são essenciais para a história. Ir catando cada pequena coisa, cada sutileza que constituem o personagem. É quantas coisas que eu até queria contar, mas não posso pra não estragar a surpresa de quem ainda vai ler. Cada cena bem detalhada, cada personagem bem estruturado, não sendo nem de todo bom nem “mal”, mas, na falta de palavra melhor, “humano”.



Hannibal  - 2001

Sinopse: Hannibal "Canibal" Lecter está de volta, vivendo tranquilamente na Europa e trabalhando numa biblioteca. Mas uma antiga vítima pretende se vingar de seus atos do passado, usando Clarice Sterling como isca.

Minha avaliação:  FAVORITO


Sobre o filme: ambos são bastante diferentes. Apesar disso, adoro os dois. E entendo porque tiveram que fazer modificações. A essência permanece. O que mudou foram apenas alguns personagens (outros não existem no filme) e também o final.

Adoro o Anthony Hopkins (estou tão fascinada por ele que estou procurando filmes que ele fez para vê), ele deu vida ao Dr. Lecter. Moldou-se a personalidade do personagem. Já tinha dito isso do outro filme, mas voltou a reforçar nesse, a expressão dele é sensacional. Acho incrível como a elegância e o fato de não demonstrar sentimentos nenhum acaba sendo envolvente.

Apesar de terem mudando a atriz, agora é a Julianne Moore, ela desempenhar bem o papel de Clarice Starling. Mesmo assim, ainda prefiro a Jodie Foster de O Silêncios dos Inocentes.
Já perto do final temos uma cena que é visualmente desconfortável, agora imagina ao ler com todos os detalhes.

Manson Verger apesar de “modificado”, não teve tanto destaque nem foi uma figura essencial na história. O personagem tinha como contribuir muitos, mas foi pouco explorado.

A cena que envolve os porcos foi corrida. Senti falta de bons diálogos. Daquele suspense que antecede grandes acontecimentos, daquela preparação para o encerramento de um grande personagens.

São obras distintas, mas mesmo assim muito boas. Eu já tinha assistido ao filme a muito tempo e muitas coisas já não lembrava e como tem suas diferenças no desenvolvimento da história, tive gratas surpresas ao ler e ao assistir novamente ao filme.

O que ficou agora foi apenas um sentimento boa e ao mesmo tempo de vazio. Bom por ter conhecido um dos melhores personagens já criados, vazio porque ter concluído a leitura e não poder mais acompanhar Hannibal Lecter em suas aventuras.

Beijos

Um comentário:

  1. Olá, eu acho que já vi um filme com esse personagem (mas não o do post), bom saber que nos livros a história também é boa.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir